Ele passou mal enquanto cantava durante um culto no último domingo (17) e morreu nesta quarta-feira (20), em um hospital de Vitória

O pastor Geter da Silva, de 48 anos, morreu nesta quarta-feira (20), após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC), no momento em que ele cantava  “não deixe um soldado ferido morrer”, durante culto, no último domingo (17), em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo.

No momento em que louvava na igreja, o pastor passou mal, caiu e foi socorrido por fiéis presentes na reunião. Em seguida, ele foi levado para o Hospital Santa Casa de Misericórdia. Com a piora do quadro de saúde, o pastor foi transferido para um hospital em Vitória, onde faleceu nesta quarta.

Segundo informações, o pastor trabalhava para a Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim e vendia picolé no Centro daquele município.

 

Da Redação da RÁDIO AD BELEM

Com informações CPAD News / Alagoas 24 Horas e G1 / Foto: Reprodução